Baal

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Baal

Mensagem  Lucrezia Rottenstern em Qua Nov 23, 2011 1:58 pm



Significado:
Baal (em hebraico בַּעַל) é uma palavra semítica que significa Senhor, Lorde, Marido ou Dono. Esta palavra em Hebraico é cognata de outra em acádio Bel, com o mesmo significado. A forma feminina de Baal é Baalath, o masculino plural é Baalin, e Balaoth no feminino plural. Esta palavra não tinha conotação exclusivamente religiosa, podendo ser empregada em relações pai e filhos (por exemplo) não sendo obrigatória uma separação hierárquica.


Historia:
Segundo fragmentos arqueológicos achados em Israel,e provavelmente derivados das ruínas da cidade de “Ugarit”,o povo dos Canaeus possuía um dos panteões mais complexos do mundo antigo. Tanto que até os dias de hoje é impossível afirmar se a palavra BAAL era na verdade um titulo para uma hierarquia de Deuses,ou o nome de um Deus especifico.
Entretanto há referencias a um determinado Deus chamado Baal Habeb. Este Deus era o centro do panteão dos Canaeus.
Este Deus era filho do Deus EL,da fertilidade e das tempestades. Ele era tido como um dos Deuses mais agressivos. Conquistador de Guerreiros,Cavalgador de Nuvens,Príncipe da Tempestade...

Armado com lâminas de bronze forjadas pelo Deus ferreiro Kothar ele desceu até o Deus Yam,que representava o aspecto destruidor das águas,as enchentes e alagações destrutivas e o enfrentou e venceu. Em sua honra foram erguidos palácios pelos outros Deuses. Dizem que após sua morte ele ressuscitou e assumiu o posto de seu pai,EL,como senhor dos orvalhos e da fertilidade,se tornando o maior Deus dos Canaeus.
Faz-se um paralelo de Yam-Nahar com o dragão do Caos Lotan,chamado em Hebraico por LEVIATHAN,a serpente quebrada,senhor dos Mares. Os guerreiros que cultuavam Baal acreditavam lutar a favor da força,fertilidade e racionalidade contra o caos,destruição e fúria irracional representado pelas águas que violentamente invadiam a região.
Baal era representado freqüentemente como um guerreiro trajando uma armadura de bronze,elmo com chifres e uma barba com ponta curva. Costuma portar uma clava ou uma lança. Seu animal sagrado era o touro por representar força e virilidade.
Como senhor da tempestade,pode ter inspirado o culto a ZEUS dos Gregos,e seu aspecto pode Tb ter inspirado os faraós do Egito.
Após a ascenção da Igreja Católica...
...Baal passou a ser considerado uma Besta,adorada com Sacrificios de crianças. Ele foi um dos "injustiçados" pela crença do Deus-Unico.
Apesar que nem tudo era exagero. Determinados ritos de adoração a Baal,como Deus da fertilidade constituiam em grandes orgias. A Evolução da Moral da época fez com que o Deus fosse bestializado.

A Descrição,e consequentemente a maioria das visões que temos ao Evocar Baal,ou Bael na Goétia não é a de um homem com armadura de bronze,mas sim a concepção católica.
Uma besta com patas de aranha e tres cabeças,uma de sapo,uma de homem e outra de um gato,como visto na ilustração da Goétia de Crowley.


Goétia
Bael ou Baal é o primeiro espírito da Goetia, é um rei que governa no leste, senhor da tempestade e da fecundidade. Seu nome vem da palavra ba’l e significa "dono", "senhor". Este espírito fala atropeladamente e guarda o poder de torná-lo invisível. Ele reina sobre 66 legiões de espíritos infernais e manifesta-se sob variadas formas, às vezes como um homem, e às vezes de todas as formas possíveis de uma vez. É um demônio do dia.

Posição Zodiaca 0-4 graus de Áries
Março 21 .-25. * (21-30 março)
Carta do Tarô: 2 de Paus (ditado por Azazel)
Cor da Vela: Preto
Planta: Samambaia
Planeta: Sol (ditado por Azazel)
Metal: Ferro * (Ouro)
Elemento do Fogo
Rank: Rei

Descrição Satanista:

Aqueles que estão perto de Belzebu sabem que ele é Enlil. Enlil era o original "Bel", que mais tarde evoluiu para "Baal". "Baal" significa "Senhor", "Master" "Baal o príncipe." Belzebu / Enlil era um Deus muito popular e conhecido, que tinha depois dele cidades nomeadas com o prefixo "Baal" em todo o Médio Oriente.

A maioria das pessoas que têm estudado o ocultismo sabem que ele está muito perto de Satanás e que ambos voltarão para o "início dos tempos" aqui na terra, Enlil e Enki. Ele é meio-irmão de Satan.

"Baal Zebub, o deus da cura Ekron, mais tarde se tornou uma palavra - Belzebu - que chegou a representar mal e idolatria no Novo Testamento da Bíblia."

Trecho retirado de "Síria", por Coleman do Sul, 1995

Belzebu é conhecido como o deus dos filisteus, Ele governou a cidade de Ekron. Ele é o segundo no comando de Satanás. Os Antigos filisteus o adoraram sob o nome de "Baalzebub". Belzebu é o "Senhor de todos os que voam". Sempre que ele foi adorado, ele era conhecido como Deus do tempo e meteorologia. Ele também controlava o ar, quando o Nephilim veio à Terra. Seu nome foi deturpado pelo hebreu que quer dizer "Senhor das moscas".
Belzebu cuida de Satanistas dedicados. Satan quer unidade e Belzebu reforça isso. Ele pode ser muito rigoroso como Satan e não aprovar maldições a outros Satanistas.

Belzebu é o padroeiro de todos os Orientais (Extremo Oriente), Artes Marciais e Cultura Asiática. Ele era o Príncipe de Seraphim e Ele tem uma voz grossa.

High Priestess Persephone diz respeito da sua experiência com Belzebu:
"Beelzebuth é muito alto, eu diria que mede cerca de 8 pés. Ele é bem desenvolvido e tem a mais surpreendente energia. Os olhos são incríveis, eles mudam de cor de acordo a sua energia no momento. Ele sempre foi e é sempre muito gentil e amável comigo e falo com ele frequentemente. Tenho visto ele ser tão gentil e suave, mas quando rebelado (com raiva), pode ser mais odioso do que qualquer um poderia imaginar. Ele tem cabelo ruivo.
Eu o vi pela primeira vez quando eu pedi sua ajuda na criação deste site sobre ele. Ele pareceu-me com cabelos loiros e sobrancelhas escuras vestindo uma túnica branca. Esta foi a primeira vez que eu o vi. Eu ouvi a voz dele e há muito tempo e foi bem grossa, mas quando ele falou-me recentemente, estava mais suave. Isto, provavelmente, porque ele já está livre. "
- High Priestess Maxine

Outras teorias e visões:
Quando Judeus e Cristão destruiram o antigo conhecimento, destruíram também quase todos os conhecimentos sobre Belzebu. Xians foram livres para blasfemar, caluniar e difamar a reputação de qualquer Deus. Uma vez que não havia uma oposição à esquerda, seguiu-se a destrição das cidades, massacre de povos, a destruição dos seus templos, bibliotecas e arquivos, as novas gerações não tiveram como recorrer a outras fontes de informação que não seja o judaico / Xian biblia relativas a estes Deuses .
Belzebu / Enlil, foi o Patrono da Nippur Deus, uma cidade na Suméria, que agora é hoje o Iraque.

Belzebu teve suas ziggurats, santuários e templos localizados na sua cidade, Nippur. A fortaleza no topo do monte foi construído por americanos em 1980 "para protegê-los a partir do tribos locais."
Belzebu / Enlil é o Deus das tempestades, condições atmosféricas, o vento, a chuva eo ar.
Seu número é 50
Sua ziggurat de Nippur era chamado de "Fi-IRN-bar-sag". "Ele é o Deus que lança seu raios e relâmpagos contra os inimigos de Satan. (Mais do que uma igreja Xian já se encontrou com desastres nesta ocasião). Ele é considerado um piedoso que dá vida e a sustenta, cuidando de seu povo, dos animais do campo, das aves do céu e dos peixes do mar. "Enlil [Belzebu] é tanto um deus da guerra e da paz de Deus; um destruidor e protetor, defensor, fortificante, hostil e mais amáveis."

Para desfrutar de suas bênçãos deve ter uma boa relação com ele e Satan. Ele realiza e reforça decretos de Satan.

"Enlil [Belzebu] não é assustador, nem tema estar com um inimigo. Uma batalha empreendida por ele é prosseguido com implacável vigor até que seja transportado para a sua vitória final - com ele não há perdão nem retiro"

"Se a sua raiva é uma vez despertada, não há um que poderia ou induzi-lo a deixar arrefecer."
"O furioso e destrutivo Enlil pode estar em suas relações com os inimigos, com amigos, e ele pode estar quando o seu próprio povo e do país estão com problemas. Ele protege o seu povo a partir de invasões hostis e ao seu redor de sua casa com uma parede alta para que o inimigo não pode subir ou superá-lo, nem pode entrar através de suas portas. "

"Se o seu povo está em necessidade de chuva, ele abre as portas do céu, e envia abundantes chuvas a seus campos, ou ele pode fazer isso para afogar e absolutamente destruir o inimigo. "
Abaixo está um antigo Hino Sumério a Enlil / Belzebu:
Os portões do céu
As barras do céu
O fecho do céu
Os parafusos do céu
Tu abristes
Tu puxastes de volta
Tu desatastes
Tu removestes


"Ele sustenta a vida de ambos homem e bestas. Ao fazê-lo, ele não negligencia mesmo o menor e mais insignificante que comete a brotação, o grão és tu.

" Os antigos babilônios foram surpreendidos com Enlil da bondade amorosa, proteção e apoio, louvando-o e exclamando: "Aquele que protege (dá apoio)."

Dotado de poderes extraordinários e autoridade. O emblema de sua autoridade é um puro e brilhantes cetro que ele exerce ou detém em suas mãos. Ele age sobre a autoridade de Satanás. Este brilhante cetro, contudo, não apenas um símbolo de autoridade e poder, mas também uma caneta na mão de Belzebu, o escriba, por meio da qual ele escreve à vontade as decisões de Satanás.

"Os doze signos do zodíaco do ano, épocas do ano, meses e os signos do zodíaco têm cada um e todos os seus início e no final, os seus limites ou contornos, as suas imagens ou desenhos: Enlil [Belzebu] indica e proclama-los. Existe um significado eo significado de cada um e de todos eles: Enlil [Belzebu] interpreta-os. Isso ele faz pela "plenitude de suas manifestações".

"Enlil e suas sete Manifestações." É um dos mais notáveis fatos em conexão com a natureza de cada deus que, em um momento ou outro, o papel do "Filho", em uma dada trindade, que era um deus que se considere ter "sete manifestações" dos seus poderes. " Eram "Sete" porque este número expressa a "plenitude, inteireza, totalidade." 4

*Belzebu era conhecido como "Pir Bub" para o Diabo "yezidi" adoradores do Iraque. Alegam que ele era o Deus do rei Acabe. (Referência: Devil adoreis 1919 por Joseph Isya, página 40)

O seguinte é um trecho de "Enciclopédia Bíblica; um Dicionário Crítico de Literatura, História política e religiosa, a Arqueologia, Geografia, História Natural e da Bíblia"
Volume I : AD
por Rev. TK Cheyne, MA, DD e Sutherland Black, MA LL.D.
Nova York, The Macmillan Company, Londres: Adam and Charles Black, 1899

"BAALZEBUB tendo Zebub ou Myla como o nome Deus do Ar, um Deus de Ekron, cujo mentor foi consultado pelo Ahaziah rei de Israel, em sua última doença. O nome é comumente explicado "Lord of Flies". É verdade, não existe qualquer analogia semitas para este Pausano mas diz-nos de um Deus que manteve afastado perigosas enxames de moscas de Olympia, e Clemente de Alexandria atesta o culto do mesmo Deus, na Elis e talvez, se nós, interpretar-mos o título "Um Deus que envia, bem como remove uma praga de moscas." Deixa-nos porém, olhar mais longe. Bezold pensamento que, em uma inscrição assíria de 12 séculos. BCE "Baal-Zabnbi" era o nome de um dos Zebub. Baal-Zebub era um nome divino muito conhecido, adotado pelo Deus de Ekron. A restauração da sílaba final, porém, é reconhecidamente muito incerta, e a leitura Baal-Sapuna (ver Baal-ZEPHON, I) parece muito mais provável. Winckler, portanto, sugere que Zebub poderia ser um nome muito antigo de uma localidade em Ekron (deixaram de explicar etimologicamente), sobre a analogia de Baal-Sidon, Baal-Hermon, Baal-Líbano. Nenhuma dessas localidades, porém, é conhecida, e Ekron, nem qualquer localidade em Ekron, era o território do Baal. Assim, é mais provável que Baal-Zebub, "Lord of Flies" (que só ocorre em uma narrativa muito tardiamente, uma que tem uma acentuada tendência didática), é um insolente unofônico judaico modificando o nome verdadeiro, que foi provavelmente Baal-Zebul, "Senhor da Casa do Alto"

Este é um título, como qualquer Deus com um belo templo poderia suportar, e provavelmente não foi confirmado ao Deus de Ekron. "Casa do Alto", ao mesmo tempo refere-se à residência dos Deuses "Assembléias da Montanha", no extremo Norte. Existe alguma razão para pensar que os fenícios sabia dessa morada. A concepção está implícita no divino nome Baal-Saphon, 'Senhor do Norte »(ver Baal-ZEPHON) e, na Elegy sobre o rei de Tiro (Ezequiel 28), e os filisteus provavelmente sabiam disso. De qualquer modo, o falecido narrador Hebraico, ou, se nós, um escriba precoce pode ter representado a aplicação de um título, tais como "Senhor da Casa do Alto" (que sugeriu a ele que o templo de Salomão ou a celeste habitação de Yahwi, ao Ekronite Deus, e mudou-a para "Senhor das moscas", Baal-Zebub. Essa explicação lança luz sobre três nomes próprios, - mulher perdida, ZEBUL, e Zebulon ", do teu (casa alta), da santidade e glória." O mesmo termo pode ser aplicado à mansão da lua no céu.

******************

Bom,estes são alguns textos sobre a entidade Baal. Os primeiros são de minha autoria,os ultimos foram compilados pela Ally na época em que ela ainda escrevia pro blog.
Se alguém tiver mais alguma informação adicional além destas,sinta-se a vontade.


_________________
Diabo velho vou arrancar seu chifre, vou cortar teu rabo e dar para Exú comer. Da sua língua vou fazer um chicote, para dar nas costas de quem fala mal de mim. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Ô pega ela Exú, pela ela Satanás.
avatar
Lucrezia Rottenstern
Administrador
Administrador

Macaco Mensagens : 584
Data de inscrição : 04/03/2010
Idade : 97
Localização : Iceland

Voltar ao Topo Ir em baixo

Que agardável surpresa!

Mensagem  Convidad em Qua Nov 30, 2011 3:55 pm

Gostei muito do Tópico!

Parabéns Chertograd!

Não vejo nenhum dos Demônios Goéticos como são descritos, e sim, como Deuses antigos que merecem serem lembrados!

Muito bom.

abs

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Baal/Bael

Mensagem  Nιgнтмαяє em Ter Jan 17, 2012 7:03 am

Olá,rs

Parabéns pelo tópico,está muito interessante ^^

E concordo com o amigo de cima.."Não vejo nenhum dos Demônios Goéticos como são descritos, e sim, como Deuses antigos que merecem serem lembrados!"

Espero que continuem escrevendo sobre..

Abraços fraternos.
avatar
Nιgнтмαяє
Novato
Novato

Mensagens : 6
Data de inscrição : 13/01/2012
Localização : Within the darkness of the mind.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Jet-Li em Qua Fev 29, 2012 4:11 pm

Pra mim, esses Deuses são " O Cara", com todo respeito pelo termo. Tenho grande devoção e admiração, apesar de ser a pouco tempo.
avatar
Jet-Li
Novato
Novato

Mensagens : 14
Data de inscrição : 14/02/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Lucrezia Rottenstern em Sex Abr 20, 2012 3:17 pm

Nιgнтмαяє escreveu:Olá,rs

Parabéns pelo tópico,está muito interessante ^^

E concordo com o amigo de cima.."Não vejo nenhum dos Demônios Goéticos como são descritos, e sim, como Deuses antigos que merecem serem lembrados!"

Espero que continuem escrevendo sobre..

Abraços fraternos.

Cada caso de entidade deve ser analisado separadamente. Nem toda entidade colocada naquela maldita lista é um "deus bonzinho transformado em vilão pela igreja". Alguns realmente são entidades antigas,poderosas e nada pacientes...

_________________
Diabo velho vou arrancar seu chifre, vou cortar teu rabo e dar para Exú comer. Da sua língua vou fazer um chicote, para dar nas costas de quem fala mal de mim. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Ô pega ela Exú, pela ela Satanás.
avatar
Lucrezia Rottenstern
Administrador
Administrador

Macaco Mensagens : 584
Data de inscrição : 04/03/2010
Idade : 97
Localização : Iceland

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Nιgнтмαяє em Seg Maio 28, 2012 12:53 am

Sim,de fato..

Porém,não há dúvidas que todos eram realmente "grandes" e lembrados pela massa,não como hoje,que poucos sabem de sua existência,é nesta concepção que falo. Smile
avatar
Nιgнтмαяє
Novato
Novato

Mensagens : 6
Data de inscrição : 13/01/2012
Localização : Within the darkness of the mind.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Convidad em Sab Jun 02, 2012 10:14 am

....


Última edição por ocult em Ter Set 18, 2012 12:49 am, editado 1 vez(es)

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Lucrécia em Ter Jun 19, 2012 11:49 pm

Apenas complementando o texto sobre Baal...

"Baal-Zebub" era uma expressão equivalente a "Senhor, livre-nos das moscas", utilizada pelos camponeses, que sem dinheiro para enterros, possuíam o hábito de deixar os cadáveres decomporem-se em meio a plantação, o que atraía diversos insetos.

Ao ouvirem a expressão, os hebreus a deturparam de forma que fosse transformada em "Baalzebub", o senhor das Moscas. Nascendo assim este aspecto da entidade, que apesar da ligação semântica com Baal, não tem ligação em aspectos até onde sei, e não é um epíteto do mesmo.

_________________
Mas, se ergues da justiça a clava forte,verás que um filho teu não foge a luta.Nem teme quem te adora, a própria morte, Terra adorada.
avatar
Lucrécia
Administrador
Administrador

Dragão Mensagens : 655
Data de inscrição : 30/10/2011
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Lucrezia Rottenstern em Qui Jul 05, 2012 6:13 am

Tratando-se de Baal-zebub de um conveito Satanista, ele pode ser visto como decadência da carne, putrefação física para iniciação espiritual, início do caminho do lado Oculto.

_________________
Diabo velho vou arrancar seu chifre, vou cortar teu rabo e dar para Exú comer. Da sua língua vou fazer um chicote, para dar nas costas de quem fala mal de mim. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Fala mal de mim, mas não fala por detrás. Ô pega ela Exú, pela ela Satanás.
avatar
Lucrezia Rottenstern
Administrador
Administrador

Macaco Mensagens : 584
Data de inscrição : 04/03/2010
Idade : 97
Localização : Iceland

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Baal

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum